Professor assassinado em frente a escola pode ter sido confundido com irmão e morto por engano

Professor assassinado em frente a escola pode ter sido confundido com irmão e morto por engano

Destaque Policial
13 de Março de 2024
703

O professor de matemática que foi assassinado a tiros em frente a uma escola particular nesta terça-feira (12) no bairro José Américo, em João Pessoa, pode ter sido confundido com o irmão e morto por engano.

Segundo familiares do professor, um dos irmãos havia alugado uma casa a ex-mulher do suspeito, o policial militar aposentado Antônio Francisco Sales, de 81 anos.

O idoso estava inconformado com a separação e o fato da companheira sair de casa, teria o desagradado. Dessa forma, a família acredita que o policial militar reformado pode ter matado Luecir por engano por inconformismo com a situação.

O suspeito foi preso em flagrante minutos após cometer o crime, foi levado para a Central de Polícia e deve passar por audiência de custódia ainda nesta quarta-feira (13).

A filha do professor, que estava com ele no momento do crime, ainda deve ser ouvida polícia.

A policia ainda tenta entender qual seria a motivação do crime.

 

Bomba Paraíba

You May Also Like!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *